ETAR do Choupal vai ser remodelada


AdCL lançou concurso para a empreitada de remodelação da maior infraestrutura de saneamento de Coimbra


undefined

A Águas do Centro Litoral (AdCL) lançou, no final de dezembro de 2017, o concurso da “Empreitada de conceção/ construção da remodelação da ETAR do Choupal”, no valor base de 12,5 milhões de euros. Os candidatos têm até o dia 16 de março de 2018, às 17H00, para apresentar uma proposta para remodelar a maior infraestrutura de saneamento de Coimbra.

Os 12,5 milhões de euros são divididos pela parte de conceção/ construção, de exploração e de reaproveitamento elétrico (produção de biogás).

A nova ETAR do Choupal será construída no local da atual instalação, aproveitando boa parte das infraestruturas atuais, e servirá a população da zona de Coimbra (freguesias de Botão, Souselas, Brasfemes, Torre de Vilela, Barcouço, Trouxemil, Antuzede, São Paulo de Frades, Eiras, Santa Cruz, Santo António dos Olivais, Ceira, Sé Nova, Castelo Viegas, Assafarge, Santa Clara, São Martinho do Bispo, Almedina e São Bartolomeu).
A linha de tratamento da fase líquida da ETAR remodelada integra as etapas de pré-tratamento, decantação primária, elevação intermédia, tratamento biológico, decantação secundária e, eventualmente, elevação final de emergência. No que se refere à linha de tratamento da fase sólida, esta incluirá as etapas de espessamento, digestão anaeróbia e desidratação por centrífugas.

De acordo com o Caderno de Encargos do concurso, a solução de tratamento biológico a implementar na ETAR do Choupal deverá ser uma das seguintes:
- Por leitos percoladores complementada por tratamento físico-químico, a situar à cabeça da ETAR;
- Por leitos percoladores;
- Por lamas ativadas em regime de arejamento convencional;
- Num misto das duas soluções anteriores.

Tal como referido pelo Presidente do Conselho de Administração da AdCL, Eng.º Nelson Geada, esta remodelação é uma obra necessária, que visa tornar a ETAR mais eficiente.

Pode ler aqui as entrevistas do Eng.º Nelson Geada, que explica a necessidade desta obra:

Publicado a: 23 de Janeiro de 2018